segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Cátia Piaçaba



Quando somos jovens fazemos certas e determinadas acções que , quando mais tarde pensamos nelas, mais valia termos estado quietos. Eu não sou excepção à regra. Há uns anos atrás conheci uma moça lá do bairro , de seu nome Cátia Piaçaba. Piaçaba porque ela tem o hábito de se esfregar em tudo o que era homem. Vivo ou morto, daí ela trabalhar como coveira no cemitério e numa funerária em part-time. O meu trabalho é vestir os mortos, mas eu gosto mesmo é de despir os vivos , dizia ela à boca cheia. E acreditem que nunca a expressão à boca cheia teve tanto significado. Conheci a Cátia quando fui ao funeral de um vizinho meu. Foi então que a vi, de pá na mão prontinha para enterrar o morto. Estranho, porque curiosamente, ela gostava mesmo era que lho enterrassem todo, mas isso agora não vem ao caso. A meio do enterro, senti uma pontada no fundo das costas. No olho do cu, vá. pensei logo que era a hemorróida a marcar presença, mas qual foi o meu espanto quando me virei para trás e vi a Cátia com meio mindinho enfiado pelas minhas nalgas adentro. Se não se importa, o buraco é meu disse eu naquele tom respeitoso que me caracteriza. Estava só a ver se tinha ovo , diz ela com uma granda lata. Apesar de não ser nenhuma galinha, deixei que ela me fizesse um bico. A partir dali parecia o Euromilhões ; todas as 6ª's feiras eu tirava as bolas do saco. Ao inicio parecia-me o sítio ideal para lhe afinfar com a sardanisca, ao fim ao cabo, era com cada foda de caixão á cova. Mas com o passar do tempo, a coisa foi azedando e não estou a falar do cheiro que por ali andava. O cumulo foi ela querer abocanha-lo dentro de um caixão. Como não sou mal educado, não gosto de dizer que não a ninguém, e até aceitei a coisa. Até aqui ainda vá que não vá. O problema é que ela queria abocanha-lo dentro de um caixão ocupado por um senhor que conseguia estar mais rijo que a minha verga. Foi então que me virei e disse ALTO LÁ ! VAMOS PARAR COM ISTO ! , agora não que eu tou quase. Como gentleman que sou, deixei a menina terminar o seu serviçinho e tentei ter uma conversa séria. Difícil, já que ela teve o tempo todo a olhar para o meu nabo como se fosse um bêbado a olhar para um copo de vinho. Com algum custo, lá consegui acabar com aquela relação. Estranho foi pensar que a próxima vez que eu vir a Cátia Piaçaba vai ser quando ela me mandar para o buraco 7 metros debaixo do chão. Não deixa de ser curioso, pois eu é que costumava mandar-lhe com os 7 cm para o buraco . . .

36 comentários:

  1. Eu fico escandalizada contigo. :P Já li tanto blogue por aí censurado que não diz metade do que tu dizes no teu, mas suponho que seja por seres lagarta, as leis não se aplicam da mesma forma :D
    Oh Lagartinha, Cátia Piaçaba??!! Mas tu tens coragem de assumir a relação que tiveste com alguém com este nome?? ( repara que eu nem menciono o resto da pouca vergonha que descreves minuciosamente ao longo do post, fico-me apenas pelo nome, acho que tenho mais vergonha que tu... :P)... é daquelas coisas que deve ser enterrada... para todo o sempre, e sem duplas interpretações... ;)

    ResponderEliminar
  2. Dark Angel . .

    Sem duplas penetrações ? Desculpa, interpretações! Porque raio de carga d'agua haveria de ser censurado este meio espacinho familiar ? francamente miuda!


    ;)

    ResponderEliminar
  3. Depois do comentário da Dark Angel, já nem me lembro do que ia dizer.
    É claro que tens razão: este espacinho é do mais familiar que há...

    P.S: quando se é jovem?
    Mas tu só fazes merda...ou era a Cátia?:)
    beijocas

    ResponderEliminar
  4. Agora percebo de onde vem a expressão morto de tesão, deriva então dos defuntos da Cátia Piaçaba.

    Abraço

    ResponderEliminar
  5. Palavras para quê?
    Clap, clap, clap!

    ResponderEliminar
  6. ai credo, tens cá uma imaginação!!

    ResponderEliminar
  7. 7 cm????


    Não queres corrigir?

    Andá la. Mentir não custa nada...

    percebo a relação dos seste...mas...

    Sei lá..põe 5 cm...Assim já será mais realista:)

    ResponderEliminar
  8. M. . .

    Os 7cm já é com meia duzia de whiskys em cima que me fazem ver tudo a dobrar =)

    ResponderEliminar
  9. Helena . .

    Será mesmo ? (Riso Maléfico)


    =)

    ResponderEliminar
  10. Marta . .

    Clap clap clap ? Não me digas que estás a fazer pipocas =)

    ResponderEliminar
  11. Aragorn . .

    Ahahah ! Só havia 2 opções : ou morto de tesão ou morto pela Cátia se não tivesse tesão =)

    ResponderEliminar
  12. Nina . .

    Apenas te quero dizer que a Cátia foi o começo de uma epoca extremamente degradante para mim a nível sexual. Compra calmantes que o pior ainda está para vir (não sejam badalhocos vá)


    Beijinhos

    ResponderEliminar
  13. é a chamada foda de morte...:)
    ainda assim no meio de tanta coisa morta pelo o visto havia algo q ainda mexia
    ps- ia fazer o "pequeno" reparo aos 7cms mas ja alguém se escandalizou antes...
    bjs

    ResponderEliminar
  14. SomeoneElseNotMe . .

    Sim, é pequeno mas é fofinho. Quando deixo crescer o mato, parece um Teletubbie =)


    Beijinhos

    ResponderEliminar
  15. tropecei no canal panda e lembrei me de ti...
    http://www.youtube.com/watch?v=-VGS5d1WfuY
    bom dia :) bjs

    ResponderEliminar
  16. SomeoneElseNotMe . .

    Ahahahaha ! Tropeçaste dizes tu ? Tá bem, fingo que acredito. Vendo bem, com uma língua daquelas tambem deve ser fácil tropeçar na coisa.


    Beijinhos

    ResponderEliminar
  17. Nina . .

    Sim, pior. Aliás, para ser mau tinha de ser um bocadinho melhor ainda =)


    Beijinhos

    ResponderEliminar
  18. Caro Sr.

    Receba os meus cumprimentos pelo seu belíssimo ser (blogue).
    Permita-me afirmar com total convicção: O Sr. é um iluminado!

    Tem sido um enorme prazer para mim a leitura do seu blogue, da qual depreendo ser possuidor de um elevado coeficiente de inteligência e de um espírito criativo invulgar.

    Permita-me ainda referir-lhe que os seus posts são deliciosos, pois a cada um que se me depara sou incapaz de evitar que um sorriso ilumine o meu rosto.

    Sei que o Sr. ainda não é um comentador convicto do meu blogue pessoal, que recentemente tive a disponibilidade para reiniciar. A sua presença habitual comprazia-me, pois tenho-o como uma alma superior dado o seu lirismo.

    Desejo ainda agradecer-lhe todos os seus futuros comentários ao meu blogue que apenas pretende ser um espelho da minha alma.

    Bem haja!

    Grato

    Napoleão Blogaparte

    (espero que o meio mindinho da Cátia não lhe tivesse chegado à próstata)

    ResponderEliminar
  19. Blogaparte . .

    Após pôr um comprimido debaixo da língua, já estou pronto para comentar. A minha alma e algumas partes pontiagudas do meu corpo estão estupidas de facto com tamanhos elogios. Desconhecia o seu blogue, algo que corrigi há escassos momentos atrás.
    Em relação ao exAME da próstata, devo dizer que foi bem mais agradável e que inclusive pensei em pedir-lhe para ir lá com o dedão =)


    Grande abraço

    ResponderEliminar
  20. se o senhor estava todo teso, porque na lhe tiraste o material para a piaçaba se divertir!??!

    é que com 7cms é o mesmo que pagar bilhete para a montanha russa e ir andar no carro dos bombeiros, no carrocel dos putos...

    ve se começas a tomar a medicaçao a horas e deixa de atirar com as meias usadas para o pe da cabeceira da cama!!! nao te faz bem nenhum!

    bjnhsssssss

    ResponderEliminar
  21. tronxa . . .

    Tás a ver, é por essas e por outras que não tens amigos. São 7cms moldados em forma de amor, 100% naturais e livres de corantes e conservantes.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  22. És terrível, Tronxinha!lol

    (desculpa, lagarta, mas a observação dela fez-me dar uma valente gargalhada)

    beijocas aos 2

    ResponderEliminar
  23. tb diz-me la quem quereria conservar tal coisa?!!??!

    e com esse tamanho, nao fará ninguem corar, lagartuxa!

    ate a podes exibri numa montra da zara, so com um cachecol, que nem a mae de familia mais beata coraria... pensaria que o manequim tb expunha um piercing num local estranho...

    quanto ao natural... graças a deus que nunca levei com esse tipo de naturalidade!!!!

    e eu tenho amigos, pah!! guardo, com carinho, as bonecas de infancia!

    bjnhsssssssss

    ResponderEliminar
  24. Nina . .

    Eu e o meu pénis lagartal estamos deveras magoados com a tua insensibilidade.



    Beijinhos pequeninos

    ResponderEliminar
  25. tronxa . .

    Tal como a Nina, a tua falta de compaixão pichal perante a minha diminuta batuta lagartal é de uma enorme falta de bom gosto. Havias de queimar as beiças logo à noite, quando fosses dar um beijinho de boa noite á sardanisca . Tenho dito.

    Apesar de tudo, gosto de ti. =)

    ResponderEliminar
  26. fiquei confuso (não é "contuso").
    as lagartas têm nádegas?

    ResponderEliminar
  27. meteu-te o dedo no cú para estimular a próstata?
    só a assim a conseguias levantar?
    pudera....
    Lendo o nome da miúda imaginei que tivesse uma bigodaça maior que a do Artur Jorge!!!

    Grande abraço

    ResponderEliminar
  28. Rui: na minha aldeia, havia uma história antiga, que falava de um coveiro que fazia chouriços com a carne dos mortos!!!!.... seria o pai da tua Cátia? medooo

    ResponderEliminar
  29. Oh querido, metes-te com cada gaja, e logo com piaçaba no nome, tiveste sorte...ela podia por-te teso de vez. Mais uma vez vim aqui para ficar bem disposta, obrigada.
    Beijinhos...
    P.S. da próxima vez que vires a cátia dá-lhe um corrector de olheiras, todos os cangalheiros precisam ,ela não deve ser diferente.

    ResponderEliminar
  30. António Branco . .

    Ahahah bem visto. Efectivamente, as lagartas não têm nádegas, mas este episódio foi passado na minha forma humana !

    Abraço

    ResponderEliminar
  31. Kapikua . .

    Tanto estimulou que passados tantos anos, ainda tenho dificuldade em me sentar. A bigodaça à Artur Jorge existia sim . . mas era nas zonas badalhocas =|

    Abraço

    ResponderEliminar
  32. Petra Pink . .

    Deve ser de familia porque a Cátia comia os chouriços dos mortos =)

    ResponderEliminar
  33. Look by me . .

    Ahahaah lá que ficava teso ficava. E por acaso até lhe dei com o corrector . . mas foi só NO olho, não foi nos olhos =)


    Beijinhos

    ResponderEliminar
  34. Acho que nunca li tanta parvoíce num texto só! lol Mas deu pra rir...

    ResponderEliminar
  35. Ana . .

    Nunca leste tanta parvoíce num texto só ?! Porra pá, vou ter que me esmerar da próxima!


    =)

    ResponderEliminar